Pular para o conteúdo principal

Torne sua casa mais sustentável


Encontrei este compêndio de boas práticas de construção sustentável do SEBRAE.  Então vamos lá ! Na imagem vemos a Nottingham House desenhada pela Dra. Lucélia Santos Rodrigues.
Fonte: http://www.sustentabilidade.sebrae.com.br/

Ter uma casa mais amigável para o meio ambiente é possível, seja de forma global, seja com pequenas alternativas como fazer a compostagem domiciliar ou optar por válvulas de descarga com fluxos distintos para líquidos e sólidos. Confira os itens que ajudam a tornar seu doce lar ecologicamente correto.
Telhados verdes
Os telhados verdes podem ser compostos por vegetação como gramíneas e arbustos instalados no topo dos telhados das casas ou em lajes de concreto na cobertura de edifícios. A principal vantagem dessa tecnologia é a absorção de parte da radiação solar, o que reduz as ilhas de calor e aumenta a qualidade ambiental das cidades.
Tintas ecológicas
São consideradas tintas ecológicas as formuladas com matérias-primas naturais, sem componentes sintéticos ou insumos derivados de petróleo. Um exemplo é a pintura a cal, também conhecida como caiação. Esse tipo de acabamento permite a difusão do vapor d’água (ou ‘respiração’) da parede, porém tem baixa viscosidade, ou seja, escorre e respinga durante a aplicação, apresentando aspecto “manchado” em dias de chuva. Há, também, as tintas sintéticas livres de compostos orgânicos voláteis (COVs), elas não liberam hidrocarbonetos aromáticos agressores à camada de ozônio e à saúde de quem as manipula.
Iluminação LED
Apontados como o grande salto tecnológico na área de iluminação dos últimos anos, os LEDs (light emitting diode) podem substituir lâmpadas incandescentes e fluorescentes com vantagens ecológicas. Os LEDs são dispositivos eletrônicos feitos a partir de um bulbo de material semicondutor. Os LEDs não contêm metais pesados e têm vida útil 40 vezes maior que a da incandescente comum.
Reuso de água de chuva
A variedade de sistemas para captar e reaproveitar a água das chuvas é crescente. No geral, eles são compostos por um filtro, reservatório ou caixa d’ água, clorador e bomba, mas o conjunto depende do uso que se fará do líquido captado. As vantagens associadas ao reuso de água da chuva são várias, desde a redução no valor da conta à contribuição no combate às enchentes. Os sistemas tendem a adaptar-se às calhas e aos condutores já existentes no telhado.
Compostagem doméstica
A compostagem permite que parte dos resíduos orgânicos produzidos em uma casa possa ser transformada em composto orgânico para adubação de plantas. A prática, simples e que requer baixo investimento, contribui para a redução das emissões de gás metano na atmosfera e para minimizar a sobrecarga de lixões e aterros urbanos. Para criar uma mini estação de tratamento de lixo em casa é preciso de uma composteira (recipiente no qual serão armazenadas as sobras orgânicas) de plástico ou madeira.
Captação de energia solar
Os sistemas de geração de energia solar são aliados importantes para quem quer ter uma casa mais sustentável: comumente, a tecnologia é utilizada para suprir parte da energia consumida e requer alguns cuidados, além de um investimento inicial que pode ser vultoso. Os equipamentos são compostos por placas fotovoltaicas de silício cristalino, controladores de carga, inversores e baterias estacionárias. A quantidade de painéis instalados no telhado deve ser dimensionada de acordo com cada caso.
Materiais reciclados e madeira certificada
A construção ou reforma de uma casa pode utilizar uma série de materiais reciclados ou que geram menor impacto ambiental. Alguns exemplos são o emprego de madeira de demolição para a fabricação de portas e janelas; de tijolos de demolição para paginação de pisos ou paredes e de madeiras de reflorestamento que apresentam rápido crescimento, como o eucalipto, para a composição de peças estruturais.
Dispositivos economizadores de água para torneiras e vasos sanitários
Há uma série de equipamentos e dispositivos que podem ser utilizados nas residências e que minimizam o desperdício de água, sem comprometimento do conforto e da funcionalidade. Um exemplo são as torneiras com temporizadores e sensores, capazes de reduzir em até 40% o consumo. Há, também, os acessórios que limitam a vazão de torneiras de banheiros e cozinhas, atingindo uma economia de 50% a 70%.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

trunfos da casa Koda

Sabiam que esta fantástica microcasa, Koda House, está fabricada com alguns componentes vindos da tecnologia aeroespacial e aplicações militares? Tal e como muitas tecnologias hoje comuns. Conforme a imagem, temos painéis solares no telhado para gerar energia e dentro, uma casa inteligente com alarme, iluminação LED ajustável e controle climático. A salientar que com a profundidade do local de 4,50 metros, estamos maximizando a iluminação natural. O exterior é de concreto e o interior de madeira natural. A envoltória exterior além do vidro quádruplo tem finas paredes de concreto. Mas como assim ? 





Acontece que muros exteriores têm painéis VIP, não têm nada a ver com as socialites VIP..rss São conhecidos desde 1930, aplicados logo na industria aeroespacial e militar. O painel de isolamento a vácuo (Vacuum Insulation Panel), é composto de um núcleo hermeticamente fechado, em uma folha fina e multicamada especial. Durante o processo de fabricação todo o ar é extraído e, conforme isto os g…

Truques do Bangalô em NY

Será possível construir num terreno em declive na floresta, minimizando os trabalhos manuais no canteiro de obra, dispensando muro de arrimo, fundações importantes e o concreto bombeado ? Ainda dispondo de um enxuto orçamento e mão de obra dos proprietários, dois construtores amadores, com a ajuda de uma turma de fim-de-semana ? A expertise não se compra na farmácia, os arquitetos do escritório JacobsChang Architecture saíram vitoriosos do desafio !Esta “Half-Tree House” é uma a arquitetura levantada acima do solo que depende do suporte das árvores, todo começou com 2 sapatas de concreto ancoradas na terra -na esquerda da imagem- vejam o cabeçal preparado para receber as vigas de madeira. 



Os extremos delas ficam fixados nas árvores, com um sistema de ancoragem especial chamado Garnier Limb; uma espécie de parafuso gigante com elementos metálicos para segurar a madeira.O interessante é que este sistema patenteado permite que a árvore e a estrutura se comportem de forma independente.O t…

Cittaslow Pijao na Colômbia

Estou publicando este vídeo de Cittaslow International, sobre a cidadezinha de Pijao na Colômbia, única Cittaslow da América Latina. Um povoado cafeteiro que presta serviços a centenas de cafeicultores, numa área de riquezas naturais e biodiversidade; também uma bonita cidade com seu ritmo lento -vejam a logomarca do caracol- e moradores hospitaleiros, prestativos e ainda preocupados com ela. 





Lembremos que para aderir à rede Cittaslow International, as cidades candidatas não podem exceder os 50.000 habitantes, ainda devem se comprometer a trabalhar diferentes áreas que precisam ser certificadas por um comitê de coordenação. Eles são assuntos referentes ao meio ambiente, saneamento básico, comida local, energias renováveis, arquitetura tradicional e educação projetada para cada cidadão. Neste caso, a criadora e promotora do projeto “Cidade do bom viver” foi a Fundação Pijao Cittaslow, uma entidade sem fins lucrativos.
Quem sabe se no Brasil os moradores de alguma cidade, como Antônio Pr…