Pular para o conteúdo principal

CONHECIMENTO vs INFORMAÇÃO



A internet é maravilhosa e com certeza democratizou o acesso ao conhecimento; mas com esta ressalva, muitos autores dizem que o 70 % do que aparece na internet são verdades parciais, e parte da verdade é...mentira. Conforme o filósofo Fernando Savater o 90% do conteúdo da internet é publicidade de algum tipo, visível o oculta. Na internet temos informação, agora o conhecimento é coisa diferente. O conhecimento é ter a capacidade de saber qual informação é falsa. É aquilo que para a mídia, a informação pode ser só entretenimento e negócio por sobre outras coisas. Conforme o John Naisbit: “Estamos nos afogando em informação, mas famintos por conhecimento”. 
Mas também o homem de nossos dias está sendo assustado pelo terrorismo mediático com essas campanhas publicitárias para se cuidar de não fumar, do câncer, das carnes vermelhas, do colesterol, da TPM, para fazer o Papanicolau.  Uma vez ouvi –no rádio- que as coisas podem-se classificar nas que nos alimentam e as que não nos alimentam, é o mesmo dizer que nos envenenam. Eu acendo o televisor e começam a passar meia hora de crimes, e desligo; agora já não assisto aos noticiários. Acontece que o pessoal é mórbido e gosta do sangue, minha avó com 70 anos comprava uma revista de crimes e fatos policiais !  Como se todo o que acontece no mundo fora ruim. E agora outra reflexão, a verdade -se é que isso existe- é a realidade, não é a mostrada pela mídia; a realidade é muito maior, tem bebês nascendo e até...boas notícias. Acontece que para muitos noticiários a boa notícia...não é noticia ! Eles enxergam que o público é mórbido e gosta do drama.

Vejam como a imagem ficou antiga, a internet é a estrada do presente, não do futuro, o tempo passou e até o Bill Gates ficou mais velho...rss

PS: gostariam trabalhar num paraíso ? Amanhã vamos ver isso...rss 

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Poço Canadense (1)

Sabiam que é possível usar o calor da terra para climatizar a casa ? Com vídeo.

Basicamente o que fazemos é introduzir ar exterior, que está a maior ou menor temperatura que a terra, mediante tubos enterrados; este ar modifica sua temperatura antes de entrar à casa. Estes tubos de fato são um trocador de calor; é um fantástico sistema de climatização natural que aproveita a temperatura do solo entre 12 a 14ºC, para temperar o ar entrante. É uma tubulação de 20 cm de diâmetro, enterrada entre 1,5 a 3 metros de profundidade; o comprimento vai de 10 até 100 metros. No verão podemos ter 36ºC no exterior e ao contato coma terra é possível injetar ar fresco a 21ºC. No entanto no inverno com 6ºC de temperatura exterior podemos ter 21ºC dentro da nossa casa. No acesso do duto de ar exterior, temos que colocar um exaustor para provocar a entrada de ar; bem como de outro exaustor no telhado para expulsar o ar contaminado do interior. O maravilhoso é que os custos de manutenção do sistema são mui…

LAREIRA ACONCHEGANTE 2

Pois é, esta bela lareira pode deixar fugir até o 70% do seu calor pela chaminé, mas agora vem o pior...este calor que sobe arrasta o calor dos cômodos e contribui a esfriar a casa ! Por sinal eu trabalhei diversos anos com calefação.


Mas, será que a lareira a lenha não é um bom sistema de calefação? Ou que talvez existam no mercado outras lareiras...de alta performance?

Hotel minimalista de montanha (1)

Quer saber onde fica este hotel de aparência austera ? Para os que gostam das etiquetas vamos dizer arquitetura minimalista, mas em correto português significa arquitetura austera, despojada, sem ornamentos, “sem frescuras”. No próximo encontro vamos ver.